20140716

[O Mico é Livre]



Pode esconder livro pra buscar outro dia? Não. 

Pode passar vergonha na livraria? SIM. 

Pode não saber nada sobre o livro que quer comprar? Talvez. 

Pode falar o nome do escritor errado? SIM, MAS É LÓGICO. 

Pode esquecer as criança no setor infantil para dar um rolê? Não, não mesmo

Pode confundir Jorge Amado com Jorge Mautner e pedir Capitães de Copacabana? SIM, SIM, SIM.

Portanto, começa aqui a campanha "O Mico é Livre", pelo direito de soltar o mico dourado que existe dentro de nós, principalmente em lojas que vendem essas coisas esquisitas que chamamos de: livros. 

Pagou mico na livraria? Ótimo, que delícia, a gente adora. Manda o causo pra mim e eu conto no blog: hillepuonto@gmail.com Agora, pagou mico na vida? Dá cá um abraço, te garanto que sozinho você não está.

Manual Prático de Bons Modos em Livrarias: Faço zero ideia de como se pronuncia Xerxenesky? Ajuda Luciano! Sem contar que confundo Xerxenesky com Xexéo e Xexéo com Pedro Doria e Pedro Doria com João Paulo Cuenca. Ou Seja?!