[vou de sedan]

(causo telefônico)

livreira: livraria xzyzaff, bom dia.

freguês: oi, bom dia. você pode ver se tem um livro aí na loja de vocês?

(UM? tô olhando aqui ao meu redor e tem vários, viu)

livreira: sim, e qual seria?

freguês: ah, é um livro pequeno, de um fotógrafo famoso... ele ficava aí perto do balcão do caixa.

(assim é fácil, mio chapa)

livreira: e o senhor sabe o nome do fotógrafo famoso?

freguês: não, não lembro... mas lembro que ele tinha um SEDAN na capa.

(um sedan: guardem essa informação. livreira tenta lembrar das últimas coisas que ficaram expostas no caixa - porque, né, decorar tudo o que já ficou em destaque na livraria é uma das nossas atividades complementares -, mas não lembra de ter visto NA VIDA um livro que tivesse um sedan na capa)

livreira (consultando amigo livreiro): vem cá, você lembra de algum livro de fotografia com um sedan na capa?

amigo livreiro: sedan?

(é, me abraça)

livreira: é, o cliente tá no telefone falando que viu um livro no balcão do caixa e que ele tinha um sedan na capa.

(amigo livreiro vai até o setor de fotografia e volta com a joia)

livreiro: olha, confirma lá com ele, acho que você está entendendo errado.

(sim, a livreira estava realmente entendendo errado. o freguês pediu um livro de fotografia com uma 'afegã na capa', mas a livreira, graças ao calor/caos/loucura pré-natal, entendeu 'sedan'. FUÉN)

manual prático de bons modos em livrarias: o delírio, ele é contagioso. protejam-se. 

16 comentários:

  1. Não entendi nada !!! Da onde tiraram essa ideia de Sedan ???

    ResponderExcluir
  2. Talvez seja a hora da manhã, mas eu não entendi. O sedan era para ser o que exatamente?

    ResponderExcluir
  3. Se eu contar que não entendi a associação do sedan com o livro sou pior do que o freguês?

    ResponderExcluir
  4. Eu não possuo nível suficiente de loucura/alienação para entender a conexão que esse indivíduo fez ao solicitar o livro.
    Sério, alguém me fala como, quando, porquê??

    ResponderExcluir
  5. Deus do céu! Onde estão as colinas mais próximas?

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. hum... agora tudo explicado... Agora me diga que isso não foi um teste pra provar que você realmente não estava louca... Se foi, tinha razão... não está louca... (li hoje de manhã e não entendi, e pra não passar vergonha, achando que eu era o único, resolvi não comentar ;) )

    ResponderExcluir
  8. o pior foi o livreiro ter decifrado o enigma

    ResponderExcluir
  9. Eu também não tinha entendido de início. Mas fiquei imaginando. Será que o freguês não disse "afegã" e a livreira entendeu "sedã".?

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. Tô com pena do livreiro amigo, o cérebro dele já está operando no nonsense da freguesia

    ResponderExcluir
  12. muito legal! (ou não!)

    ResponderExcluir

<< >>